Todo Fogo – Livro de Souzalopes

Xapuri, 22 de dezembro de 1988
Chico Mendes, seringueiro, sindicalista e ambientalista
toma tiros de escopeta no peito – morre aos 44 anos.
          arma de fogo
                    fogo sem chama
ele sabia que a morte chegaria sem avisar
dizia que ambientalismo sem luta de classe
não passava de jardinagem – e o fogo
que queimava a Amazônia continua a ser o fogo
que queima a Amazônia.


Gorizia, 17 de Outubro de 1910
Carlo Michelstaedter, poeta, filósofo e desenhador
mete uma bala na cabeça – morre aos 23 anos.
          a lâmpada se apaga
                    por falta de óleo
meditação transbordante sobre
a superabundância de possibilidades –
12 dias antes envia tese para a
Faculdade de Letras de Florença:
na folha de rosto o desenho de uma lamparina
com a legenda em grego – “eu apaguei-me”.


não somos archote – a vida é.
somos o que vai ser queimado
e assim, despedimo-nos dela pelo fogo –
como se tudo o que matasse fosse fogo –

entre o fazer das mãos
e o fazer da cabeça, mudar:
o terreno
          exterior
o terreno
          do pensamento
e tentar…
          de novo e
          de novo .