Enquanto isso, em uma casa de família de COVID-19, Covidinho e Covidinha estão brincando na sala de estar, enquanto papai Covido e mamãe Covida terminam o jantar. O noticiário local na TV anuncia:

O governo acaba de declarar novas restrições em nova tentativa de reduzir o número de organismos Covid-19 afetados pela infecção humana. Apesar do fato de que a única maneira eficiente de conter a infecção humana é ficar longe deles, o governo também está propondo uma medida mais dramática – e heróica – de auto-eliminação. A proposta é que, uma vez que você se encontre na infortúnia situação de estar dentro de um ser humano, cometer a auto-aniquilação! Isso pode parecer um tanto devírus, mas é a única maneira eficiente conhecida, até agora, para evitar a replicação dentro dos humanos, e assim expor-nos ainda mais!

— Que terrível! Disse Covido! Temos de encontrar outra forma de evitar tal doença !!!

— Sim, mas o que podemos fazer, disse Covida ,se os humanos mantiverem os seus hábitos como estão! Eu sinto muito por eles…

— Sente muito? Eles estão tentando exterminar nossa espécie! É genocídio! Lembra o que eles fizeram com os Alphas? E não contentes o bastante, vieram atrás dos Betas e dos Gamas … até mesmo os Deltas estão numa posição bem ruim agora! E eles estão vindo atrás de nós, Omicrons! Quem será o próximo? Quando vão parar?!?

— Você tem razão, Covido querido, mas eu acho que eles estão perdidos, os humanos… Tudo que eles estão fazendo é por pura ignorância! A mesma ignorância que os trouxe – e tudo na Terra junto com eles, incluindo nós – a esta situação…

— Você pode estar certa, mas e daí?

— Gaia, a deusa-Terra, deve estar muito chateada com os humanos … talvez conosco também, mas certamente com mais raiva deles!

— E o que nós, CORONAVÍRUS, temos a ver com isso?

— Tudo! Você não percebe? Coevolução! Mutualismo! A relação mutualística entre as diversas espécies… Mas o mais importante é que devemos evitar a coextinção e a ameaça, o declínio de nossa espécie nos níveis tróficos!

— Eu sou menos otimista que você Covida, meu amor… para mim, os humanos vieram para ficar…

— Pelo amor de Nigoda(*), não me diga isso! Seria uma calamidade para as futuras gerações!

*Na cosmologia jainista, o Nigoda é um reino existente no qual as formas mais baixas de vida invisível residem em números infinitos, e sem qualquer esperança de liberação por esforço próprio.